Dino Parque – um bom programa em família

1B9CA992-D91C-401B-90ED-D5D51BAFFAA7 08D23E0C-8B47-4063-ACC1-339531446A55 0E07EC62-DC7B-4C6B-ABFC-D7F82518375D 8EC402F4-934E-414F-9592-940805F706D9 B12EDBDA-D640-47AF-9AD2-E3B113556B3A 031ACF54-11D2-4C5A-8A4A-3629A1B95675 0FF3DAB0-DC3E-4A51-9000-E0B3C7DE3219Não adoramos enchentes, e talvez por isso não corremos para lá quando abriu. Mas hoje, com o Outono a espreitar a chuva achamos pertinente não adiar mais.

Chegamos à Lourinhã por volta das 14.15h e pareceu-me a hora ideal, já almoçados de casa. Já tinha ouvido por aqui e por ali que a comida no parque não é um estrondo e as filas não são simpáticas. Não apanhamos fila na bilheteira e já íamos preparados para o preço que a meu ver poderia ser mais acessível, apenas porque para a grande maioria dos visitantes implica também custos de deslocação. O bilhete de família ficou nos 31,50€, 2 adutos + uma criança.

O parque é grande e com diversidade de conhecimento para os mais pequenos. Entre as espécies de dinossauros quase em tamanho real, parques para brincar e um multiusos de actividades onde podem escavar, pintar dinossauros e figuras em barro não demos sequer pelo tempo a passar.

Gostamos particularmente de todo o espaço verde envolvente, com mesas de lanche por várias zonas e por toda a sinalética que nos permite chegar a todo lado sem perder tempo.

É sem dúvida um excelente opção para uma manhã ou uma tarde de fim-de-semana com os miúdos, mas validem que o sol vos acompanha, para que possam aproveitar todos os espaços.

Um beijinho

CLAUDIAIV

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *